Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Estrela de filme premiado com Oscar é transformado em limusine e, graças à internet, vai parar nas mãos de comerciante de Brasília

Texto: Ademir Pernias
Fotos: Tobias Jacob de Freitas/Divulgação

Admirador de veículos antigos, sejam automóveis ou motos, o comerciante de Brasíla Tobias Jacob de Freitas, de 46 anos, não deixou passar a oportunidade de levar para sua garagem uma raridade. “Não resisti quando vi na internet, em julho de 2014, anúncio de venda de um Buick Conversível, ano 1949. Para quem não sabe, ou não se lembra, um exemplar do modelo “estrelou” o filme Rain Man, ao lado de Tom Cruise e Dustin Hoffman. O conversível bege de duas portas, interior em couro vermelho, motor Straight-8 Fireball de 8 cilindros e transmissão automática de duas velocidades tornou-se um ícone, assim como o filme de 1988 que ganhou quatro Oscars, incluindo o de melhor ator para Dustin Hoffman.

Some-se a isso que o Buick 1949 de Tobias foi transformado em limusine. Ele não tem muitas informações sobre como se deu essa modificação. “Sei apenas que a transformação foi feita no Uruguai, em 2001, a partir de um Buick 1949 Conversível original”, conta. A partir dessa característica, Tobias disse que, além de usar o automóvel para passeios, ele o aluga eventualmente para casamentos e outros eventos promocionais. “É um modelo raríssimo, e feito limusine só este aqui no Brasil”, garante.

História

O Roadmaster sempre foi o topo da linha Buick, representando o que a marca oferecia de melhor. Estava apenas um degrau abaixo dos Cadillacs e possuí-lo significava prestígio e sucesso.

A história do Roadmaster data do fim da Segunda Guerra Mundial. O modelo dessa época, como todos os outros Buicks, trazia apenas novas versões dos veículos pré-guerra. Os motores datavam de 1936 e a plataforma de 1933. Apesar disso, devido ao bonito desenho feito por Harley Earl, o carro vendeu bem.

Em 1949, no entanto, é que surgia um Roadmaster totalmente novo, concebido com base nas ideias de Earl, com desenho inspirado na aeronáutica e projetado por Ned Nickles, usando a nova plataforma C da GM. Essa plataforma era compartilhada com o Cadillac Series 62 e com o Oldsmobile 98, mas apesar disso o Buick conseguia um desenho único que lhe conferia personalidade própria.

O estilo esguio e imponente, com a nova grade dianteira cromada com 25 dentes fez sucesso. Contava ainda com diversos itens cromados na carroceria e pequenas saídas de ar falsas nas laterais do capô. Enquanto os outros Buicks possuíam apenas três saídas, o Roadmaster possuía quatro para simbolizar sua posição dentro da linha Buick.

Restauração

Tobias lembra que o estado geral do modelo era razoável, mas o interior estava bastante surrado. “A pintura também estava com avarias e itens como tanque e bomba de combustível eram improvisados”, diz. Por outro lado, Tobias garante que a estrutura e a mecânica estavam íntegras.

A pintura foi refeita e o tom clássico de azul marinho deu lugar à tonalidade azul extra marinho da linha Scania. O interior também foi inteiramente refeito, em couro legítimo na cor caramelo, no padrão capitonê. O piso ganhou carpete residencial de maior densidade. Ainda segundo Tobias, foram feitos acabamentos laterais internos de madeira e criado um rack que funcional como minibarbar, todo revestido em rádica (lâminas de madeira).

Mecânica

O cuidado mecânico incluiu um novo tanque de combustível com bomba elétrica, dosador apropriado e nova tubulação. A dianteira recebeu freios a disco no lugar do sistema a tambor original.

Tobias garante que a mecânica é quase toda original. O motor é um 8 cilindros em linha, com transmissão automática. Suspensão, direção e refrigeração são originais. “Todas as outras características são originais, painel, faróis, lanternas, para-choques e grades”, atesta o proprietário. O modelo permanece com a característica de conversível, com o teto rígido que pode ser removido por inteiro.

“O carro é bem alinhado, firme, fiz uma viagem de Jaguarão (RS), na divisa com o Uruguai, até Brasília, rodando a 90 km por hora. Foi uma viagem feliz e tranquila, em que meu Buick se mostrou valente e resistente”, finaliza.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA