Studebaker 1949: Orange is the new Studebaker!

95
Studebaker
Studebaker
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Carroceria de Studebaker 1949 ganha nova vida sobre mecânica de Ford Ranger. Pintura personalizada e acessórios completam o projeto

Texto: Vitor Giglio
Fotos: Ricardo Kruppa

Studebaker 1949

Para algumas pessoas, a cabine “podre” de um Studebaker pode ser considerada nada mais do que sucata. Por outro lado, alguns fãs de carros antigos podem considerar um desperdício. Já para Mário Ferretti, um ícone para os amantes da marca no Brasil, essa “sucata” é uma grande oportunidade.

Ferretti Studebaker, como é conhecido no meio hot rod, é figura carimbada para os leitores da Revista Hot Rods.

O empresário campineiro tem em seu histórico 13 projetos finalizados, todos eles em cima dos modelos americanos, sejam originais ou hot rods.

Esta mais recente customização contou com a ajuda de Rogério Orta, o Nika, da Nika Old Cars, de Campinas (SP). Com a utilização de duas cabines deterioradas de Studebaker, a dupla conseguiu dar nova vida ao modelo e devolvê-lo ao lugar de onde ele nunca deveria ter saído: as ruas e estradas.

Studebaker
Studebaker

Make-up

A segunda chance do Studebaker teve início a partir da recuperação da lataria. A altura do capô foi diminuída, os para-lamas foram soldados e toda a traseira foi refeita em chapa 18.

Na verdade, toda a carroceria foi soldada, e o que um dia foi uma picape agora é um monobloco.

Foram utilizados emblemas e frisos originais, mas outros acessórios adornam o projeto, tais como rodas American Racing de 20” e pneus Yokohama.

Outro grande destaque no aspecto visual fica por conta da coloração. Desenvolvida dentro da própria Nika Old Cars, um tom de laranja bastante vivo e brilhante.

Dentro também

O interior também recebeu bastante atenção da oficina. O painel utilizado é de um próprio Studebaker. Bancos e assoalho foram extraídos de uma picape Ford Ranger e o interior utiliza o painel corta-fogo da picape Ford. O volante tem a assinatura da Lenker.

Studebaker
Studebaker

Novos componentes

Studebaker por fora, Ranger STX 1997 por dentro. Toda a mecânica utilizada no projeto é extraída da picape. A começar pela motorização V6, pelos freios ABS e pelo módulo de injeção original do utilitário.

O chassi, da mesma maneira, é inteiro da Ranger, assim como tanque de gasolina, coxim e cabine.

Coluna do volante de alumínio, vidros e travas elétricas e portas esquematizadas no estilo suicida são outros dos diferenciais desta personalização. “Na verdade utilizamos o corpo do Studebaker reformado e personalizado, mas transformamos a picape em um carro, por assim dizer”, explica o responsável pelo projeto.

Quem cruzar com essa veterana de 1949 nas estradas por aí não se engane: a saúde dela é de uma jovem e brava picape. Não esperávamos menos, já que se trata de uma propriedade de Ferretti Studebaker.

Quem fez:

Nika Old Cars. Tel. (19) 99848-8600.

Chev-Car. Tel. (19) 3207-2232.

Ficha técnica

Studebaker 1949

Parte externa

Pintura personalizada

Monobloco

Chassi da Ranger

Rodas American Parts 20”

Pneus Yokohama

Emblemas e frisos originais

Portas suicide

Parte interna

Painel Studebaker

Bancos e assoalho da Ranger

Mecânica

Motor V6 da Ford Ranger

Módulo de injeção da Ranger

Freios ABS

Coluna do volante de alumínio

Vidros e travas-elétricas

VEJA TAMBÉM: Picape F-1 1950: original nem pensar!

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA